Siga o Blog:

6248b0b1-6a17-4f49-9db3-af0c3c0c4901 6248b0b1-6a17-4f49-9db3-af0c3c0c4901 6248b0b1-6a17-4f49-9db3-af0c3c0c4901

quarta-feira, 18 de novembro de 2015

Fernando de Noronha - Ilha tour



Que tal conhecer algumas das principais atrações de Fernando de Noronha em apenas um dia? Impossível? Não mesmo, conheça o Ilha tour.




Chegamos em Fernando de Noronha, fomos para a Pousada (dica: pegue uma transporte 0800 no Aeroporto) e depois fomos trocar ingresso do parque, comprar mantimentos, etc. Curtimos uma Praia (Praia da Conceição, depois veremos melhor). No dia seguinte o negócio ia ficar sério.

Resumindo, o Ilha Tour é um passeio completo que faz uma volta na ilha, passando em várias praias e pontos de interesse durante um dia inteiro.

Para se ter uma idéia dos pontos visitados no Ilha tour. Fonte: GloogleMaps.
Você irá ouvir muitos falando a favor e contra o passeio. Uns dizem que você não aproveita nenhum lugar, pois é realmente muito corrido. Há quem vá dizer que, principalmente para quem tem poucos dias na ilha, o programa é perfeito para conhecer todos os lugares e depois voltar apenas nos que mais gostou. Prefiro ficar com a segunda versão.

A melhor ideia é fazer o passeio no dia seguinte ao de sua chegada, porque assim você pode visitar as principais praias e depois decidir a quais lugares gostaria de voltar.

Apesar de ser um passeio incrível, com um dia inteiro de duração, ele é muito cansativo. Os guias brincam dizendo que o Ilhatour é um passeio DVD - deita, vira e dorme. 

O passeio dura o dia inteiro (começa às 8h e termina com o pôr do sol) e pode ser com 4, 6 ou 8 pessoas, em uma pickape 4×4 ou em buggy. Nós fizemos com a Blue Noronha (http://www.bluenoronha.com.br/) e fomos de Pick Up.

Alugamos coletes (Nós levamos Snorkel) na própria agência e começamos o nosso tour pela ilha. Já de inicio fizemos amizade com o Willian e a Glacie, de Recife. Depois disso, fizemos vários outros passeios com eles.

O guia orienta sobre os melhores lugares para mergulho, conta histórias de cada lugar e lendas da ilha. Ele também escolhe um restaurante para o almoço (claro que isso é por que o almoço dele está incluido) e ainda servirá de fotógrafo, aconselhando os melhores ângulos para lindas fotos.

A nossa sequência do passeio foi a seguinte:

Baía do Sancho

O primeiro ponto que paramos foi a Baía do Sancho. Para se chegar lá, caminha-se por uma trilha suspensa de madeira até o Mirante dos Golfinhos, onde se pode ter uma bela vista da baía e da praia.
Dali, pode-se descer para a praia por uma escada, que passa por uma estreita fenda na pedra. Só a descida já é uma aventura! Fizemos uma parada para curtir o local e mergulhar.

Vista da Baía do Sancho.

Esta praia foi eleita dois anos seguidos a mais bonito do Mundo.

Um casal de banhistas aproveita a praia, enquanto são observados por um tubarão.
Vídeo: Golfinhos nadando, vistos do Mirante dos Golfinhos.

É mesmo lindo.

Ótimo lugar para mergulho.

Basta colocar o Snorkel e curtir a natureza.


Mirante do “Ai, que lindo!”

A mesma trilha suspensa que se usa para chegar ao mirante do Sancho é a que segue para o Mirante do “ai, que lindo!”, um pouco mais à frente. O Mirante é carinhosamente chamado assim pelos guias, porque esta é a expressão que  todo mundo faz quando chega lá. É dali que se pode ver a famosa Baía dos Porcos, com os morros Dois Irmãos.

"Ai que Lindo !!!"

Mirante da Praia do leão.

É a principal praia de desova de tartarugas, por isso tome muito cuidado ao pôr os pés na areia. Também por causa das tartarugas, é proibido ficar na praia após as 18h, e sempre há um controle rígido para evitar qualquer acidente. A visão panorâmica da praia é incrível,   e quem a visita pode observar a Ilha do Leão e a Ilha da Viuvinha - ótimas para serem fotografadas. Na beira da praia formam-se piscinas naturais cristalinas com vários peixes e, ocasionalmente, até tubarões acabam presos ali.  O mar nessa região é muito azul e quente, mas pode ser um pouco bravo, tome cuidado. 

Ilha do Leão. Recebeu esse nome por lembrar um Leão Marinho (???)


Baía do Sueste

Do mirante do Leão fomos à praia do Sueste. 
A praia é boa para mergulho, mas é conhecida principalmente por ser a praia de alimentação de tartarugas. Quer ver tartarugas? Vá até lá! As ondas são fracas e, além das tartarugas, você pode observar muitos pássaros e lagartos. 

Baía do Sueste

Suas Águas são claras, propiciando uma bela visão.

É o Paraíso das Tartarugas


Vídeo: Tartarugas na Baía do Sueste


Como o local de mergulho, ao lado direto da praia, é raso e não se pode ficar em pé, por causa dos corais, ali só é permitido mergulhar de colete (para você ficar boiando) e lembre-se, USE NADADEIRAS. Fomos no braço, mas não aconselho.

Vídeo: Tubarão passeia pelo Sueste (gentilmente cedido pelo amigo Willian)


Buraco da Raquel

Sim, é este nome mesmo! Trata-se de uma enorme pedra com um buraco, que a gente vê de um mirante. O nome, segundo o guia,provém de uma lenda: diz-se que a Raquel era a filha de um militar, no início dos anos 1800, que era muito "namoradeira". 
O Buraco da Raquel, apesar do nome um tanto estranho, nada mais é do que um mirante. Desse ponto você pode observar o Mar de Fora e o encontro das pedras com o mar. É um local interessante para ver as diferentes tonalidades que o mar assume, apreciar o visual e relaxar. 
Não é permitido descer até o buraco.

Buraco da Raquel


Próximo do Buraco da Raquel fica a Enseada dos Tubarões, onde os bichanos vão descansar depois de se alimentar.

A Enseada

É lá que eles descansam após se alimentarem,

Cacimba do Padre

É uma das melhores praias da América do Sul para surfe. A Cacimba do Padre tem uma larga faixa de areia e um mar lindíssimo, mas bem bravo na época das ondas (de dezembro a março). Ali ocorrem diversos campeonatos, com os mais famosos surfistas do Brasil. Para o passeio na praia ficar completo, observe de perto as pedras gêmeas, no canto esquerdo da orla. A área da praia é bastante larga, mas, por não ter nenhuma sombra, é recomendável passar bastante protetor solar e ir com guarda-sol.

Vista da Cacimba do Padre
 A praia tem este nome devido ao capelão do presídio, em 1888, ter descoberto uma fonte de água potável e ter construído um poço (cacimba).
Dali, pode-se ir andando, na maré baixa, até a Baía dos Porcos, de onde se pode ter uma vista mais de perto dos morros Dois Irmãos.
Morro Dois Irmãos

Baía dos Porcos

A visibilidade na Baía dos Porcos é fantástica.

Podemos apreciar a vida marinha com detalhes.


Mirante do Boldró

Por fim, fomos ver o tradicional pôr do sol no Mirante do Boldró. Em determinada época do ano que ele se põe exatamente no meio dos Morros Dois Irmãos, o que infelizmente, não aconteceu conosco. De qualquer forma, é deslumbrante.



Do mirante você pode admirar o mar de águas cristalinas da ilha se encontrar com o sol, um espetáculo para ver e registrar na mente. É exatamente ao lado do mirante que fica o Forte São Pedro do Boldró - que hoje em dia são apenas ruínas. 

O Pôr do Sol é lindo.

Bem é isso. Ficamos esgotados e depois voltamos a alguns desses lugares para visitar com mais calma, e óbvio, mostraremos mais a frente.

Bela forma de terminar o passeio e nosso post.


Espero que vocês tenham gostado e apreveitem para nos seguir. Abraços e até breve.

LINKS: